Enquanto isso no site da Folha:

“Um ex-aluno invadiu nesta quinta-feira um auditório da Universidade Northern Illinois (NIU), no nordeste dos Estados Unidos, abriu fogo e matou cinco estudantes. Após o ataque, o atirador –que também feriu outras 17 pessoas– se suicidou. Foi o quinto episódio envolvendo atiradores em apenas duas semanas nos Estados Unidos.”

E no Cinefilismo

“A China proibiu a venda de produtos audiovisuais que contenham “elementos de mistério e terror”, uma medida com a qual pretende “proteger o desenvolvimento psicológico de crianças e adolescentes”, informou a imprensa local. A decisão foi tomada pela Administração Estatal de Imprensa e Publicações, que emitiu uma circularna qual ordena uma campanha contra as “histórias de ficção e personagens de aspecto extraterrestre, criados com o único objetivo de causar terror”.

É pra se pensar….aí os chineses pensaram demais e tiveram uma idéia dessas. Tá. E por não pensar demais deixo a frase de Aldous Huxley:
“As palavras permitiram a nossa elevação acima dos animais,
mas é também pelas palavras que não raro descemos ao nível de seres demoníacos”.
***
Não consigo dormir porque tem um bailão aqui em casa. Se Nietzsche conhecesse o que se dança hoje, só acreditaria em um Deus que conseguisse dormir.
***
O desejo é um tédio. Pense em algo que você gostaria de ter. Mal a imagem lhe vem à mente, alguma parte lúcida de você começará a resmungar: “já sei, já sei…”
Pegue uma folha de papel em branco. Escreva no alto um solitário “não”. Respire. Observe bem. Depois tente escrever mais alguma coisa. É…eu também não consigo.

Anúncios