De acordo com um ranking da rádio BBC 2 a música que os ingleses mais ouvem é…adivinhem?! Não é “Dancing Queen” e sim “A Whiter Shade of Pale” do grupo Procol Harum. E o pior é que a música escolhida é ideal para afogar as mágoas. Com uma baladinha que serve tanto para os tristes quanto para os românticos. E isso tudo sem falar no fator nostalgia! Se uma música tivesse cheiro, a “Whiter Shade of Pale” com certeza teria o bolor dos anos 70. E, claro, dá vontade de ouvir de novo. E de novo e de novo.

A Whiter Shade Of Pale – Procol Harum

E uma pesquisa publicada no jornal inglês The Sun, apontou que 72% dos entrevistados trocariam uma noitada de sexo com suas parceiras para experimentar um lançamento de videogame.
Quer dizer que os inglesinhos só ficam nos amassos e nada do vâmo vê! hein?!
Diferente do Ian Curtis…assisti Control e a única mensagem que o filme me passou sobre o Ian é que ele era um sacana, inseguro que não sabia o que queria da vida.
Também, o que podia esperar já que o filme é baseado no livro “Touching from a distance”, de Deborah Curtis mulher do vocalista.
Não gostei do filme. É uma incomum biografia que se concentra no casamento precoce de Curtis e suas aflitivas crises de epilepsia.
Tá, mas agora (como o Zé da padaria e a D. Joana do dog) vou falar um pouco de outra inglesinha que tá dando o que falar…(corrigindo, escocesa! nessa hora esqueci de googlar Taty mas ela participou do “Britain’s Got Talent” então tá valendo 😉 )
susan-boyle2
Quem não viu, veja e quem não ouviu, ouça! Dá uma chance que a tiazinha é boa demais!

*Aliás, não odeio nenhum inglês…só meu chefe quando não libera o bônus, mas aí é outra história.
Anúncios